26/01/2013

Para mim


                    
(Imagem retirada de http://filmgrab.wordpress.com/movies-a-z/, do filme Pulp Fiction)

O Sol hoje decidiu brilhar para mim. Toda a gente o desfruta mas eu tenho a certeza que é para mim. Mesmo sendo um Sábado em que tenho de trabalhar, não podendo, por isso, ir gozá-lo. Mas eu sei que é para mim. É uma forma de promessa e de desafio. E eu olho-o e deixo-o cegar-me, em sinal de aceitação.
Vou fazer algo diferente... se não for hoje, amanhã...
E as pedras da rua brilham com os restos da chuva que ficaram de ontem, e esse brilho é para mim. Para me encandear, porque sabem que gosto.
E o ar frio movimenta-se na minha direcção, porque sabe que o seu abraço gelado não me incomoda. "Vento é o ar em movimento", sei isto desde a Primária...
E a comida cheirosa que espera por mim em casa, é para mim. Assim o meu apetite flutuante o permita.
E o que o resto do dia trará, eu ainda não sei. Mas vou aceitá-lo bem. Porque é para mim.

12 comentários:

  1. O vento é um ar em movimento, mas que às vezes é muito desagradável, lá isso é certo! :)

    Aproveita bem o resto do domingo, já que o sábado já passou! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Às vezes é desagradável, o maroto. Desarranja-nos os cabelos e levanta-nos as saias... =)

      Eliminar
  2. É essa consciência da vida como presente, que me falta tantas vezes...É essa consciência que torna tudo tão simples e tão bonito!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falta-te porque todos temos altos e baixos... É importante saber reconhecer e apreciar quando temos dias assim, para os lembrar quando a ilusão vai embora...

      Eliminar
  3. Espero que tenhas aproveitado esse sábado. Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aproveitei... e o Domingo... e a Segunda... =)

      Eliminar
  4. Agora percebo por que razão no sábado ( nem no domingo) vi o Sol! Brilhou só para si e se isso a deixou feliz, ainda bem. É porque merece!
    Bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que alguém se apercebeu da falta do sol... É. É verdade. Eu tive o monopólio no Sábado... =) obrigada pelo comentário, Carlos!

      Eliminar
  5. Adorei este texto Briseis, transmite uma leveza boa de ler, parece que senti daqui um raiozinho do teu sol :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. podes levar sol emprestado quando precisares... eu tenho-o quase todos os dias! =)

      Eliminar